Ruth é eleita prefeita de Mombuca em Eleição Suplementar

A ex-prefeita do PR retornou ao executivo mombucano, com 52,04% dos votos válidos no pleito eleitoral fora de época, realizado nesse domingo (3/9). A homologação da eleição pode acontecer até o próximo dia 15 de setembro.

Os eleitores de Mombuca voltaram às urnas nesse domingo (3/9) e elegeram a nova prefeita e seu vice, para o mandato que se encerrará em 2020.  A ex-prefeita do PR, Maria Ruth Bellanga de Oliveira, a Ruth, e seu vice, Valdemir Mora Pedroso, receberam 1.365 votos (52,04% dos votos válidos). Dos 3.261 eleitores aptos, votaram 2.749 (84,3 %) e a abstenção foi de 512 (15,7 %). Com prazo limite de até 6 de outubro, a Justiça Eleitoral tem expectativa de que a eleição seja homologada até o próximo dia 15 de setembro.

As Eleições Suplementares foram realizadas, porque Marcos Poletti não conseguiu reverter nas instâncias superiores, decisão da Justiça Eleitoral, que impugnou sua candidatura de 2016. O indeferimento do registro de candidatura é uma das hipóteses previstas no parágrafo terceiro, do artigo 224, do Código Eleitoral (Lei 4.737/65) para a realização de novos pleitos.

GESTÃO EXEMPLAR

Maria Ruth tem a marca da retidão em seus mandatos como prefeita, vice e vereadora, na cidade de Mombuca. Ruth está muito feliz e grata pela nova oportunidade dada pela população, para que continue os projetos de sua gestão. “Têm obras que começamos e queremos terminar, como: casas populares; convênio do governo estadual que ainda não foi liberado. Enfim, tem uma série de coisas do meu governo para terminar.”, afirma Ruth ao concluir: “Tenho muita vontade de entregar o parque ecológico; reformar a piscina e o prédio da Educação. Quero melhorar a qualidade da educação. Então eu peço a Deus que nos abençoe e tudo dê certo.”.

EMPODERAMENTO FEMININO

“A prefeita Ruth deixou uma gestão exemplar, o que justifica seu retorno à prefeitura de Mombuca. Ela representa a força, a seriedade e a competência das mulheres líderes do PR. Esta vitória da prefeita Ruth é muito importante para o PR Mulher, que segue sua caminhada para promover o empoderamento feminino no estado de São Paulo.”, reconhece o presidente estadual do PR-SP, José Tadeu Candelária.

Fonte:

Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SP)

jornalismo@tre-sp.jus.br