SORAYA SANTOS ALERTA SOBRE O MOMENTO POLÍTICO E ECONÔMICO QUE O BRASIL ATRAVESSA

ATENÇÃO À MISSÃO INSTITUCIONAL. A deputada federal, primeira secretária da Câmara, e presidente nacional do PR Mulher, alerta sobre a necessidade de debates responsáveis para contribuir com o desenvolvimento do país.

Brasília – A presidente do PR Mulher Nacional, deputada Soraya Santos (PR-RJ) alertou, em discurso no plenário da Câmara dos Deputados, no último dia 25, sobre o momento político e econômico que o Brasil atravessa.

A republicana fluminense, que é 1ª Secretária da Câmara Federal, reforçou que a polarização de opiniões, sem debate responsável sobre assuntos importantes, pode impactar de forma negativa o desenvolvimento do país.

“Estamos num momento em que este Parlamento precisa ter muita atenção na sua missão institucional. Nós estamos vivendo um momento em que o Brasil caminha para a polarização, uma polarização que não é saudável, que não permite o cinza: ou é preta ou é branca. Ela não permite a diversidade de pensamentos, apenas adjetiva e julga”, frisou a republicana ao alertar “Nós não queremos um Brasil polarizado. Nós queremos um Brasil que gere sonhos, para que os nossos filhos permaneçam na nossa Pátria e não enxerguem como oportunidade de trabalho a saída para outro país, porque faltam condições econômicas no nosso”.

É PRECISO MATURIDADE

Em seu discurso, a parlamentar destacou que o País vive “um momento de crise econômica sem precedente” e, segundo ela, a população precisa ter maturidade para trabalhar nos assuntos econômicos que nortearão o desenvolvimento do Brasil.

“Somos locatários desta terra e somos detentores das vozes da sociedade, vozes que se preocupam, sim, com o momento em que se discute a reforma da Previdência, porque há camadas que não existiam há até pouco tempo. Brincamos que são os “nem, nem” da Previdência, pessoas com mais de 55 anos que contribuíram, por exemplo, por mais de 20 anos, e não estão conseguindo emprego nem oportunidade de contribuir por mais 10 anos, para que se aposentem”, enfatizou a deputada ao alertar que o Parlamento precisa ter muita atenção na sua missão institucional.

 
Fonte: Site do PR Nacional – http://www.partidodarepublica.org.br